Projeto de Comunicação e Atendimento ao Cidadão da Prefeitura de Canoas: RP viabilizada pela Universidade PDF Imprimir E-mail

Projeto de Comunicação e Atendimento ao Cidadão da Prefeitura de Canoas: RP viabilizada pela Universidade


 

Organização

Prefeitura de Canoas

Profissional Responsável

Karla Maria Muller/ Vera Gerzson

Assessoria Externa

UFRGS

Ano da Premiação

2007



O Projeto Comunicação e Atendimento ao Cidadão consiste em um convênio técnico-científico entre a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e a Prefeitura Municipal de Canoas. A proposta é pioneira no que diz respeito à inserção de uma equipe de alunos em um projeto de ensino de comunicação vinculado à Universidade no mercado de trabalho, sob orientação acadêmica, prestando assessoria técnica para uma Prefeitura. Configura-se como proposta complementar à formação dos estudantes de Relações Públicas da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação (Fabico) da UFRGS, a quem oportuniza a prática de questões teóricas estudadas. A orientação e supervisão realizadas pelas docentes da Universidade, Karla Müller e Vera Gerzson, capacitam o trabalho de gerenciamento e operacionalização da comunicação realizada pelos estagiários-bolsistas na Prefeitura.

A grade curricular do Curso de Comunicação da Fabico não obriga a experimentação dos ensinamentos por meio de estágios curriculares, o que torna a passagem pelo Projeto um diferencial. Através do Projeto, a Universidade Pública cumpre outro objetivo, a prestação de serviços à comunidade. A Prefeitura, ambiente no qual é evidenciada a realidade do mercado de trabalho, viabiliza o estudo de uma cultura institucional e a práxis do planejamento estratégico da comunicação em um órgão público.

O convênio, firmado em outubro de 2002, renovado em 2004 e atualizado em maio de 2007, prevê atividades de atendimento ao cidadão, elaboração de projetos de comunicação e participação em eventos municipais, a fim de contribuir com o Programa de Modernização Municipal de Canoas, que inova ao não centrar o foco apenas na aquisição de novas tecnologias, mas preocupar-se também com o relacionamento.

Inicialmente trabalhando na comunicação com a população canoense, onze estagiários desenvolviam as atividades nos turnos da manhã e da tarde em três balcões de atendimento: na Secretaria de Governo, no Gabinete do Prefeito e em um Balcão de Informações no saguão da Prefeitura. Em 2007, ano em que o Projeto comemora cinco anos de atuação, a equipe é composta por 25 estudantes de Relações Públicas, que atuam em pequenos grupos, distribuídos em nove Balcões de Atendimento: Secretarias Municipais de Planejamento Urbano, Educação e Cultura, Transportes e Serviços Públicos, Fazenda, Gestão Administrativa e Modernização, Procuradoria Geral do Município, além dos três já citados. Esse engrandecimento ocorreu também qualitativamente com aumento das atribuições, sobretudo nas funções dos estagiários, as quais passaram a abranger, além do atendimento ao cidadão, a comunicação interna das Secretarias onde estão alocados, prestando uma assessoria técnica aos Secretários e Diretores.

Para a realização destas atividades, a Prefeitura disponibiliza sistemas de informação como murais, telefone, computador, aparelho de fax, etc, fornece uniformes, além do pagamento de bolsa para os membros da equipe – professoras e estagiários -, materiais necessários à execução dos projetos, impostos e percentual à Universidade, à Fabico e à Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FAURGS), responsável pela administração financeira de projetos da UFRGS.

O Projeto é gerenciado pelas professoras coordenadoras e por três estagiários que compõem a equipe de gestão. Os cargos de Gestor de Projetos, Monitor e Gestor de Equipe, foram instituídos de acordo com a demanda, seus ocupantes são escolhidos entre os integrantes da equipe, de acordo com destaque e aptidão para realização das funções específicas. Para ingressar no Projeto, os alunos da Fabico passam por um criterioso processo seletivo constituído por três etapas, elaboradas em parceria com o Programa de Ensino Tutorial (PET) do Instituto de Psicologia da UFRGS. Para que a excelência almejada pelo Projeto seja alcançada, são realizados, semestralmente, treinamentos e avaliação individual com os estagiários, que podem permanecer na equipe por um período máximo de dois anos.

O reconhecimento institucional realizado pelas professoras coordenadoras antes do início das atividades promoveu a definição da proposta de atuação apoiada nas carências da Administração Municipal. O planejamento estratégico das atribuições e eixos de atuação dos estagiários foram fixados com o intuito de sintonizar as deficiências da Prefeitura e as curriculares do curso universitário, com objetivo de permitir a conexão entre teoria e prática, além de estimular a postura profissional dos futuros relações públicas, oportunizando a prática de estágio desde o início do curso. Desde o início dos trabalhos, foram definidas estratégias de comunicação dirigida ao cidadão canoense, público comum a todos os postos de atuação do Projeto que são analisadas constantemente. No decorrer dos anos, o trabalho expandiu-se atendendo à comunicação interna, de cada Secretaria e da equipe de estagiários. Procedimentos visando à comunicação institucional do Projeto e à reestruturação das ações voltadas à comunicação dirigida e interna da equipe também foram adotados. Assim, foram implantados Núcleos de Desenvolvimento em quatro frentes pedagógicas das Relações Públicas: Núcleo de Eventos, Núcleo de Projetos de Comunicação, Núcleo de Pesquisa e Núcleo de Produções.

O Projeto vem apresentando resultados positivos. A eficiência da proposta de possibilitar conexão entre a prática e a teoria foi comprovada através de duas auditorias externas e das avaliações realizadas com estagiários egressos, sendo que ambas atestaram seu cumprimento. Além disso, semestralmente, é realizada avaliação com os estagiários, bem como pesquisas, questionários e relatórios de observação, a fim de proporcionar discussões acerca dos objetivos do Projeto. Nesses encontros, todas as ações realizadas pela equipe também são avaliadas individualmente, possibilitando a verificação da qualidade do que é produzido, mostrando aos estudantes a importância do planejamento estratégico, através da elaboração, execução e avaliação de projetos de comunicação. A participação em eventos acadêmicos confirma a qualidade dos trabalhos desenvolvidos, além de oportunizar o engajamento dos estudantes do Projeto no meio científico a partir de um processo reflexivo sobre os modos de operação que viabilizam a prática consciente.

A atuação do Projeto Comunicação e Atendimento ao Cidadão da Prefeitura Municipal de Canoas complementa a formação acadêmica e oportuniza o exercício profissional capaz de antever as situações vivenciadas pelos estudantes quando saírem da Faculdade. O número de estudantes que já trabalharam no Projeto, a crescente procura pela seleção semestral e a colocação dos egressos no mercado de trabalho comprovam essa afirmação.


 


Desenvolvido pela Arena