Maré Cultural PDF Imprimir E-mail

Projeto de Cultura, diversão e informação para as comunidades da área de influência da
Construção e Montagem do Gasoduto Pilar-Ipojuca

Autora:
Patrícia da Silva d’Ávila - CONRERP/RS-SC – Nº 2410


1. APRESENTAÇÃO
A construtora oas ltda é uma das mais importantes empresas brasileiras do setor, com obras de sucesso por todo país e exterior. Alia à sua competência profissional, qualidade, energia, comprometimento e uma profunda confiança nas relações humanas. Certificada nas normas de Qualidade, Meio Ambiente, Segurança e Saúde Ocupacional: ISO 9001, ISO 14001 e OHSAS 18001, a oas vem construindo uma história de sucesso também na área de Responsabilidade Social, tendo conquistado prêmios nacionais com os trabalhos “Relações Públicas em Obras de Dutos: Uma Experiência no Coração da Amazônia” (28º Prêmio Nacional de Relações Públicas (2008) e TOP SOCIOAMBIENTAL ADVB-MG (2009)) e “oas construindo parcerias - Relacionamento com as Comunidades do Entorno da Obra de Construção e Montagem do Gasoduto Pilar– Ipojuca (29º Prêmio Nacional de Relações Públicas (2009).

Através deste trabalho, pretendemos dividir com os colegas relações públicas a satisfação pelos bons frutos colhidos com Projeto Maré Cultural, realizado na área de influência do Gasoduto Pilar-Ipojuca, abrangendo 46 comunidades entre os estados de Alagoas e Pernambuco. O projeto Maré Cultural desenvolveu entre os meses de janeiro e maio de 2010 atividades culturais, recreativas e esportivas, com o objetivo de manter os moradores informados sobre as fases da obra e sobre as questões de segurança relacionadas ao empreendimento.


2. ANÁLISE DO CONTEXTO DA ORGANIZAÇÃO

 


2.1 Análise da realidade regional
O Gasoduto Pilar-Ipojuca compreende 189 quilômetros de extensão, atravessando 16 municípios, sendo onze no Estado de Alagoas e cinco em Pernambuco. Neste trajeto, abrange comunidades e assentamentos do MST Movimento dos Sem-Terra) e do MLST (Movimento de Libertação dos Sem-Terra). Compreende também, em sua grande maioria (mais de 96%), áreas de plantações de cana-de-açúcar, de propriedade ou arrendadas para grandes usinas da região.


2.2 A obra de Construção e Montagem do Gasoduto Pilar-Ipojuca
A Construtora OAS Ltda executa a construção e montagem do Gasoduto Pilar-Ipojuca, uma obra da PETROBRAS com 189 quilômetros de extensão. Iniciada em fevereiro de 2009 e término ainda em 2010, a obra, através do setor de Comunicação Social, desenvolve projetos de segurança, meio ambiente, saúde e cultura – estabelecendo uma relação de parceria e respeito entre a obra e as comunidades.


3. DESCRIÇÃO DO CASE
A Comunicação Social desenvolve ações para seu público interno (mais de 3.000 colaboradores) e externo (cerca de dez mil moradores das comunidades do entorno). Este trabalho descreve o projeto voltado ao público externo denominado “Maré Cultural. O projeto acompanhou o andamento das fases críticas da construção do gasoduto, principalmente durante o desfile de tubos, abertura de vala e abaixamento, proporcionando o repasse de informações sobre segurança, saúde, meio ambiente e promovendo ações culturais e recreativas, além de manter um canal aberto de diálogo e respeito entre a obra e a comunidade.


4 PLANEJAMENTO DE RELAÇÕES PÚBLICAS

 


4.1 Briefing
O projeto Maré Cultural é uma ferramenta valiosa de relacionamento com as comunidades vizinhas ao empreendimento. Através de atividades sistemáticas, planejadas de acordo com o andamento da obra, pode-se manter contato com lideranças, proprietários e moradores em geral, garantindo nossa presença constante nessas localidades. Isso permite o monitoramento dos impactos da obra, minimizando e antevendo conflitos. Além disso, é uma oportunidade de levar cultura, diversão e informação aos moradores da região.


4.2 Objetivo
Minimizar os impactos decorrentes da obra aos comunitários e promover uma imagem corporativa socialmente positiva do empreendimento junto às partes interessadas, além de promover cultura e entretenimento.


4.4 Público de Interesse
Quarenta e seis comunidades da área de influência direta do gasoduto, compreendendo um total de quase 10 mil pessoas.


5. ESTRATÉGIAS DE RELAÇÕES PÚBLICAS

 


5.1 Metodologia de desenvolvimento dos trabalhos
O projeto Maré Cultural é desenvolvido com base em informações e relações estabelecidas em fases anteriores do trabalho da Comunicação Social, sendo elas:

5.1.1 Diagnóstico das comunidades da área de influência direta do gasoduto – levantamento das informações e dados sobre as comunidades locais
5.1.2 Entrega de cartas informando o início das obras - visitas domiciliares a todos os proprietários de terras, em um total de 384 Fichas de Cadastro. Foram realizadas também visitas às 16 prefeituras da área do gasoduto.
5.1.3 Apresentação do Empreendimento às Comunidades – Foram realizados 18 eventos nas comunidades com mais de 100 habitantes e visitas domiciliares nas outras 28 comunidades menores.

5.2 “Maré Cultural”

5.2.1 Ações
A Comunicação Social da oas levou todos os meses uma programação diferente às comunidades da área de influência direta do empreendimento.

5.2.1.1 “Era uma Vez... – Contação de Histórias nas Comunidades” - Em janeiro, o projeto levou um contador de histórias (ator contratado) que encenou histórias da cultura popular local e uma história especialmente escrita para tratar sobre o universo da obra e a relação com as crianças da comunidade.
5.2.1.2 “Cineminha OAS” - Em fevereiro, a equipe montou estrutura com tela de 42” e tendas para reviver o espírito do cinema, com exibição de filmes sobre meio ambiente.
5.2.1.3 “Uma Onda de Diversão!” - Em março de 2010, muita música e brincadeiras intituladas “Uma onda de diversão!” foram apresentadas nas comunidades sob a coordenação de um recreador.
5.2.1.4 “O Circo Chegou” - Em abril, “O circo chegou” à comunidade agrícola de Rurópolis – Santa Rosa
(km171) e Engenho Alagado (km 186). Foram montadas lonas de circo em áreas das comunidades e a oas contratou a “ONG Sua Majestade o Circo” para realizar oficinas de malabares e técnicas circenses aos participantes.


6. METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO
Em todas as atividades com o público externo são utilizados questionários para a consulta do grau de satisfação das comunidades em relação aos eventos.


7. RESULTADOS
Os resultados foram altamente satisfatórios. Encarregados das frentes de serviço constataram que as crianças e os comunitários de um modo geral sempre respeitaram os limites da obra. Não foi registrado nenhum acidente envolvendo comunitários. O índice de reclamações através do 0800 com relação ao processo construtivo também é zero, comprovando a eficácia das ações voltadas para a informação dos moradores.

 


Desenvolvido pela Arena